Como você gerencia os gastos do seu ambiente de Tecnologia da Informação? Elaborar e controlar o orçamento de TI é importante no planejamento, além de fazer a diferença na economia da empresa e manter o parque tecnológico sempre atualizado.

Afinal, a área está se tornando cada vez mais estratégica e hoje é essencial ao negócio, além de interligar a outros setores.  

E é pensando no planejamento de TI que entra a assinatura de tecnologia, você sabia que é possível ter esse serviço para empresas? Mas, primeiramente, é importante que você entenda melhor quais são os erros que podem estar sendo cometidos no orçamento de TI da sua empresa e quais cuidados devem ser tomados para evitá-los.

Confira todas as dicas neste conteúdo que preparamos para você!

Quais são os principais erros que podem impactar o orçamento de TI da sua empresa?

A falta de um planejamento bem elaborado é a principal causa para falhas, além disso, pesquisar tendências do setor fazem toda a diferença na hora de planejar. A assinatura de tecnologia, por exemplo, possui detalhes importantes quando falamos em orçamento e para que você entenda melhor, vamos detalhar ao longo do artigo.

1. Ter uma infraestrutura inferior ou robusta demais para as reais necessidades do seu negócio

Ter um ambiente maior do que o negócio precisa é algo que afeta o orçamento. Isso acontece, por exemplo, quando há muitos computadores, impressoras, scanners, acessórios e outros dispositivos que ficam ociosos durante a rotina da empresa. Nesse caso, houve um investimento inicial acima do necessário e vários de seus aparelhos ficarão ociosos.

2. Sua gestão de TI está isolada das áreas restantes

TI é um setor que está em constante comunicação com outras áreas da empresa, já que elas também são usuárias das tecnologias que são implementadas no negócio. Por isso, é possível que o crescimento da organização seja prejudicado caso a TI foque exclusivamente em sua própria expansão.

3. Não contar com um plano de expansão para a sua TI

Outro erro consiste em não incluir a expansão do TI na estratégia de crescimento do negócio. Caso os gestores planejem um aumento do número de atividades desempenhadas ou serviços oferecidos, por exemplo, será necessário investir em novas tecnologias ou mais equipamentos.

4. Não ter colaboradores capacitados para as suas necessidades

Ter os equipamentos e tecnologias necessários para que a empresa evolua é muito importante, não é mesmo? Mas também temos sempre que considerar profissionais qualificados para que aproveitem ao máximo daquilo que a empresa contratou.

E para isso, sua empresa deve estar preparada para fornecer os treinamentos e capacitações necessárias aos colaboradores, fazendo com que as tecnologias se conectem às pessoas e o trabalho flua da melhor forma possível.

Também é importante que o pessoal de TI esteja constantemente antenado quanto às tendências tecnológicas, para que saiba exatamente quais inovações poderão ser implantadas para que a empresa otimize seu budget. Por isso, é importante que os profissionais participem de encontros, feiras, workshops e outros eventos que apresentem novidades da área de TI.

5. Utilizar dispositivos desatualizados

Manter computadores e impressoras defasadas compromete diretamente o desempenho da equipe e aumenta os custos da empresa de forma geral. Isso acontece porque equipamentos obsoletos geram mais travamentos e falhas, fazendo com que os colaboradores fiquem ociosos enquanto aguardam sua manutenção.

Além disso, eles têm uma necessidade mais frequente de reparos, o que potencializa os custos do negócio. Por fim, a segurança da empresa também é colocada em risco, já que equipamentos antigos também têm sistemas operacionais ou versões defasadas de programas.  Portanto, é necessário que a empresa mantenha atualizados tanto os equipamentos físicos como os ativos digitais, como licenças, atualizações, softwares etc.

6. Não comparar as possibilidades disponíveis para seu plano de TI

Como já mencionamos, se atualizar das novas tendências faz toda a diferença e por isso é importante na hora de planejar, pesquisar as possibilidades que o mercado tem a oferecer para as empresas e comparar com o tradicional. Como é o caso da dúvida que sempre surge “alugar ou comprar?”.

A assinatura de tecnologia, por exemplo, traz muita economia e benefícios fiscais para as organizações, tanto quando falamos em investimento inicial quanto a longo prazo.

Além disso, existe um amplo portfólio de serviços e produtos que podem ser adicionados em uma assinatura computadores, impressoras, scanners bem como atualização e manutenção.

E como a assinatura de tecnologia pode te ajudar? 

Quando você terceiriza a gestão e o aluguel de equipamentos, sua empresa ganha os mais diversos benefícios e seu time de TI conta com algo que realmente atende as necessidades do negócio, evitando que você cometa erros e tenha dores de cabeça durante o processo.

E você sabia que nós da Office Total criamos o conceito de tecnologia por assinatura? Pois é! Oferecemos além de equipamentos, serviços inclusos que fazem com que sua equipe de tecnologia foque nas atividades que realmente importa e enquanto isso cuidamos de toda a gestão dos computadores, impressoras, coletores de dados e scanners.

Muitos erros acabam passando despercebidos durante a realização do orçamento de TI, mas eles ainda podem gerar danos impactantes às finanças do negócio e comprometer diretamente seu desenvolvimento. Mas, você pode contar conosco para te ajudar no processo.

Fale com os nossos especialistas e saiba mais!


Iniciar chat
Fale com um especialista!